fbpx
Conteúdo exclusivo sobre mercado imobiliário

DICAS

Cuidados com a casa: listamos 9 situações que você deve ter atenção

06/08/2020

Cuidados com a casa: listamos 9 situações que você deve ter atenção

Nesse período de quarentena, imposto pelo novo coronavírus, muita gente tem reparado mais nos detalhes do próprio lar. O que antes passava despercebido, por conta da correria cotidiana, agora não pode mais ser ignorado.

É muito importante se atentar à higienização adequada dos objetos e de tudo que entra em casa.

Para hieginização completa das compras e sapatos que vem da rua, basta usar CIF higienizador +Álcool, que limpa e desinfeta eliminando 99,9% dos germes/bactérias*, mantendo sua casa do jeito que você gosta: com proteção garantida.

* Teste conduzido em laboratório por 15 minutos com Salmonella choleraesuis, Staphylococcus aureus, Pseudomonas aeruginosa, Enterococcus hirae e Escherichia coli. 

Além da limpeza, questões ligadas a organização, economia e segurança, entre outros pontos referentes aos cuidados com a casa, passaram a ser prioridade. Afinal, trata-se de uma fase em que é preciso rever a forma como vínhamos vivendo e buscar melhorar a cada dia.

Neste artigo, reunimos 9 pontos que devem ser reavaliados. Já que os próximos tempos prometem ser mais de distanciamento do que de convívio social, siga as dicas e aproveite para melhorar a forma como tem cuidado do seu apartamento!

1. Casa bagunçada

A falta de organização do lar é um problema que afeta muito mais do que a paciência de quem é obrigado a conviver com a desordem alheia.

O pior é que, quase sempre, um único bagunceiro é o responsável por instaurar o caos na casa. Isso gera frustração nos demais moradores, prejudicando seu bem-estar e aumentando os níveis de estresse.

Sabe-se que evitar a bagunça é importante para manter a harmonia e melhorar a qualidade do tempo em família. Além disso, a organização previne as consequências práticas da desordem, tais como:

  • passar vergonha ao receber uma visita inesperada ou, até mesmo, uma chamada de vídeo de surpresa;
  • perder documentos importantes (carteira de vacinação, título de eleitor, passaporte, entre tantos outros);
  • gastar com itens que já possui, mas que se encontram perdidos (ferramentas, utensílios de cozinha, materiais de escritório etc);
  • desperdiçar, em decorrência do vencimento dos alimentos e cosméticos que estavam escondidos na desordem;
  • desencadear crises alérgicas, por conta da poeira acumulada — afinal, não é possível limpar, adequadamente, áreas bagunçadas.

Para evitar esses tipos de situações, procure doar o que não tem mais utilidade. Ao mesmo tempo, guarde os documentos que não usa com frequência em uma pasta ou gaveta. Por fim, faça uma investigação nos produtos com data de validade.

Vale destacar que ter armários, prateleiras, nichos e até ganchos pelos cômodos ajudam a manter tudo no lugar. Por isso, invista em móveis práticos e funcionais.

2. Gastos de água e luz

A economia de água e luz é imprescindível. Não apenas para aliviar o orçamento doméstico, mas para colaborar com a conservação do meio ambiente.

Para ter uma postura sustentável em relação ao consumo, basta adotar algumas medidas simples. Por exemplo:

  • tomar banhos rápidos;
  • fechar a torneira quando estiver escovando os dentes ou lavando a louça;
  • consertar vazamentos em canos e torneiras;
  • pintar as paredes com cores claras para potencializar a iluminação natural;
  • usar lâmpadas de LED, que iluminam melhor e duram mais;
  • apagar a luz quando sair do ambiente e tirar os aparelhos de uso esporádico das tomadas;
  • acumular o máximo possível de roupas para lavar e passar.

3. Preparo de alimentos em casa

Cozinhar bem é mais do que conhecer boas receitas. É preciso seguir as práticas adequadas de manipulação dos alimentos e limpeza dos equipamentos e utensílios.

Preste atenção, também, à higienização da esponja de limpeza. Para evitar a transferência de microrganismos nocivos para diferentes superfícies, ela deve ser imersa em água fervente por cinco minutos ou ficar embebida em uma solução de hipoclorito de sódio.

Além disso, deve-se usar três panos de prato: um para enxugar as mãos, outro para enxugar a louça e um terceiro para enxugar a pia. Tudo isso ajuda a evitar contaminações.

4. Segurança

Você já pensou em reforçar a segurança no apartamento? Por mais que a vida em condomínios seja mais tranquila, é sempre bom investir nesse quesito. Dessa forma, na próxima viagem, você poderá ficar menos preocupado.

Para isso, vale a pena investir em um seguro residencial. Isso evita prejuízos decorrentes não apenas de roubos, mas de danos elétricos, hidráulicos, entre outros.

Também é importante reforçar a segurança na internet — ainda mais para quem trabalha em home office. Para evitar problemas, a melhor dica é investir em um bom antivírus para proteger seus dados e manter seus programas atualizados.

5. Acidentes domésticos

Não basta colocar redes de proteção nas janelas e varandas. Para prevenir acidentes domésticos, é preciso investir em outras melhorias no lar. Quem tem ou pretende ter filhos, deve preparar os ambientes de acordo com as respectivas faixas etárias.

Também é importante colocar pisos antiderrapantes em áreas molhadas, como lavanderia, banheiro e sacada. Além disso, deve-se evitar sobrecarregar as tomadas e fazer a verificação periódica das instalações elétricas.

Tenha atenção ao uso do álcool em gel ou do álcool líquido 70%, que aumentou muito, por conta das medidas de prevenção à COVID-19. Por ser altamente inflamável, após passá-lo nas mãos, recomenda-se aguardar cerca de 15 minutos antes de cozinhar, mexer na churrasqueira ou em outra fonte de calor.

6. Animais de estimação

Em apartamentos, devido à proximidade entre os vizinhos, é imprescindível manter os animais e seus espaços limpos. Do contrário, podem surgir reclamações por conta do odor.

Quando o tempo estiver bom, os banhos podem ser semanais. Já a escovação dos pelos deve ser diária. Caixas de areia e tapetinhos sanitários também devem ser limpos regularmente.

7. Durabilidade dos móveis

Para evitar que desbotem, não deixar os móveis sob a incidência direta da luz do sol e usar produtos de limpeza corretos também é essencial. Cortinas e persianas com tela solar são ótimas para protegê-los. Além disso, medidas simples, como usar porta-copos, ajudam a evitar manchas. E para a limpeza correta, a CIF desenvolveu uma linha completa de limpeza e cuidado para cada cantinho da casa, com produtos que limpam sem danificar, riscar ou amarelar os móveis. 

Vale destacar que a melhor forma de conservar os móveis é limpá-los adequadamente. Para isso, use um pano macio, levemente umedecido em água e sabão neutro. Depois, enxugue bem.

Não se esqueça de cuidar dos colchões. Para evitar deformações precoces, eles devem ser virados a cada 15 dias. Já a limpeza (com água e sabão ou com misturas indicadas para a remoção de manchas difíceis) deve ser realizada a cada seis meses.

8. Cuidados com a conservação dos pisos e azulejos

Por melhor que seja a qualidade dos revestimentos, evite usar produtos agressivos na limpeza. Para evitar riscos e arranhões, principalmente em pisos laminados, coloque feltros nos pés e bases dos móveis.

Já o mofo que costuma acumular nos azulejos do banheiro pode ser removido com uma esponja macia embebida em uma solução de água sanitária diluída. Em seguida, é preciso enxaguar e secar.

9. Pias, vasos sanitários e ralos

Evite o entupimento de pias, vasos sanitários e ralos por meio de medidas simples. Para isso, não jogue restos de comida ou de gordura na pia e coloque cestinhas (de aço ou metal) no ralo.

Não jogue papel higiênico, algodão ou outros materiais no vaso sanitário. Limpe os ralos dos banheiros e lavanderia, removendo cabelos, pelos de animais e outros dejetos.

Para concluir, nunca deixe os cuidados com a casa em segundo plano. Reserve um momento para analisar os possíveis problemas e definir as estratégias para corrigi-los o quanto antes. Um lar com a manutenção em dia é importante não apenas para a conservação e valorização do imóvel, mas também, para a segurança e qualidade de vida da família!

Gostou do post? Então, aproveite para conferir as questões especificamente relacionadas à limpeza da casa na quarentena!