fbpx
Conteúdo exclusivo sobre mercado imobiliário

DECORAÇÃO

Decoração de home office: 7 dicas práticas para compor o ambiente

10/08/2017

Decoração de home office: 7 dicas práticas para compor o ambiente

Hoje, é praticamente impossível não ter um espaço em casa dedicado para trabalhar. Não adianta, por exemplo, levar o notebook para a sala de estar ou para a cama, pois a produtividade não será a mesma. Nesse caso, o ideal é reservar um cantinho especial na casa com uma decoração adequada ao home office.

Além de manter a produtividade, a decoração correta ainda é importante para garantir o conforto e trazer uma estética agradável — de forma que você se sinta realmente bem ao trabalhar em casa. Que tal conferir algumas dicas práticas para compor o seu ambiente?

1. Analise a utilidade do seu home office

Em primeiro lugar, você precisa se perguntar como será a movimentação e a utilização do seu home office. Será um espaço só seu? Quanto tempo você vai passar dentro dele? Esses e outros detalhes definem, não só a utilidade do espaço, mas o quanto você está disposto a gastar para montá-lo e decorá-lo.

Comece a pensar nas respostas para essas perguntas e, com certeza, você fará escolhas mais inteligentes para o seu home office. Esteja munido de ideias que condizem com a sua personalidade e não tenha medo de ousar!

2. Opte pelas cores certas para decorar o espaço

O segredo de uma boa decoração está nas cores certas para cada tipo de espaço. O ideal é sempre apostar em cores mais claras. Com elas, o ambiente fica mais amplo e também mais leve e agradável para se trabalhar.

No entanto, se o seu home office não é assim tão pequeno, você também pode investir em tonalidades mais escuras e brincar com composições.

O combo black & white é um ótimo exemplo disso, uma vez que sempre funciona em decorações para vários tipos de ambientes. Para complementar, é só adicionar cores diferentes em alguns pontos e objetos decorativos para dar mais vida ao ambiente.

Outra ideia bacana é apostar em uma cor mais forte apenas em uma das paredes do home office e brincar com suas variações em outros detalhes.

3. Escolha estilos de decoração que se encaixam melhor ao ambiente

Agora, se a sua personalidade não é muito “preto e branca” ou monocromática, não faz mal. Você pode escolher outros estilos de decoração que vão se encaixar muito bem em seu home office. Se você gosta, por exemplo, de um ar mais moderno, pode investir em estilos minimalistas, que apresentam linhas retas, móveis claros, menos detalhes e mais funcionalidades.

Por outro lado, se você prefere seguir uma pegada mais retrô, é possível imprimir um ar vintage nos móveis ou simplesmente em itens decorativos, como polaroids, máquinas antigas, quadros de parede conceituais e outros detalhes nessa linha. O importante é montar um espaço que realmente tenha a ver com os seus gostos e estilo de vida!

4. Escolha itens de decoração que sejam úteis

Ter itens decorativos é super bacana, mas tenha cuidado para não poluir o visual do ambiente ou encher o espaço de coisas que distraem o olhar. A ideia é dosar as cores e objetos — para que o lugar fique aconchegante e personalizado, sem atrapalhar sua concentração e produtividade.

Para acertar, prefira objetos que sejam úteis para o seu trabalho, como caixas organizadoras, pranchetas de parede, murais, porta-canetas, entre outros. Se você quer dar mais vida ao ambiente, opte também por vasos de plantas, luminárias e, quem sabe, até mesmo uma cafeteira para você não ter que se deslocar até a cozinha quando desejar fazer uma pausa para o café.

5. Use elementos com referência à sua profissão

Outra maneira de trabalhar a decoração de home office é utilizar a sua profissão para trazer referências aos detalhes do ambiente. Livros da sua área, por exemplo, são objetos que caem muito bem no cômodo e trazem um pouco de personalidade para o espaço.

Além disso, você ainda pode brincar com símbolos e outros tipos de referências ao seu trabalho, principalmente nos quadros de parede ou na sua mesa. Faça com que o seu home office seja realmente o espaço certo para você trabalhar em casa.

6. Pense no conforto para trabalhar bem

Na hora de decorar, você não deve cometer o erro da maioria: pensar só na estética e esquecer do conforto. Para que o seu home office dê certo, é preciso mesclar o bom gosto com alguns detalhes que fazem a diferença para que a sua produtividade não caia.

Se o espaço é pequeno, pense na quantidade de móveis e detalhes presentes — para que nada tire a sua atenção ou faça se sentir apertado e sufocado. Outro fator importante a ser levado em consideração é a temperatura do ambiente, que precisa ser agradável.

Caso você não queira instalar um ar-condicionado, pense em um espaço arejado. No inverno, a questão da temperatura pode ser solucionada com tapetes e cortinas — ótimos isolantes térmicos.

7. Leve em consideração as questões de ergonomia

Ainda sobre o conforto, é essencial que você pense na ergonomia dos móveis. Dessa forma, evita colocar a sua saúde em risco. O cuidado principal deve se dar com a escolha da cadeira — que precisa ser confortável o suficiente para não causar dores nas costas, nas pernas ou nos braços.

Aqui, vale até pagar um pouco mais caro em uma cadeira adequada e confortável ao invés de focar apenas nos modelos charmosos. A mesma preocupação vale para a bancada, que precisa ter a altura certa em relação ao braço da sua cadeira. São detalhes assim que impedem problemas futuros.

Quando você não sabe por onde começar uma decoração de home office, pode ter certeza de que não procurou pelas dicas certas. Agora que você descobriu os pontos principais para montar o seu espaço de trabalho, verá que ter um ambiente agradável e bem organizado faz toda a diferença.

Como muitas pessoas também têm dúvidas de como decorar o home office, compartilhe este artigo em suas redes sociais e ajude seus amigos na decoração do cantinho de trabalho em casa.