fbpx
Conteúdo exclusivo sobre mercado imobiliário

Bem Estar e Decoração

Veja como as plantas em casa podem agregar o décor do seu lar

15/09/2020

Veja como as plantas em casa podem agregar o décor do seu lar

Tudo começa com um único vasinho, muitas vezes, recebido de presente. Pouco a pouco, ele vai ganhando a companhia de outros e, quando menos se espera, surge um lindo jardim. Sabe por que isso sempre acontece? Porque ter plantas em casa faz um bem danado para o bem-estar! Então, se você ainda não começou a cultivá-las, considere este artigo o empurrão que faltava.

Continue a leitura e confira os benefícios de trazer mais verde para dentro do seu apartamento. Além disso, aprenda a escolher as melhores espécies para ambientes fechados. Boa leitura!

O que se deve considerar no projeto de decoração?

Decorar é mais do que escolher os móveis e ter algumas plantas na sala. O processo precisa levar em conta uma série de fatores. Entre eles, destacam-se:

  • a área disponível;
  • a ventilação natural;
  • a incidência de luz solar;
  • o estilo de vida e o gosto dos moradores.

Algumas tendências decorativas fazem bom uso do verde dentro de casa. Mas para um visual harmônico, especialistas em interiores ressaltam a importância de considerar o estilo de décor ao escolher os vasos e suportes. Por exemplo:

  • um ambiente com estilo escandinavo, repleto de móveis de madeira e objetos em tons de cinza, fica ótimo com um grande vaso cobre ou rose gold ou um mix de pequenos vasinhos geométricos na parede;
  • um ambiente industrial, com vários elementos rústicos e sóbrios, fica mais leve com alguns vasos pendentes claros, com design minimalista;
  • um ambiente clássico, com predomínio de peças neutras, ganha vida e uma pitada de tropicalidade com um vaso com estampas gráficas;
  • um ambiente minimalista fica mais gracioso com um clássico vaso pendente em um suporte de macramê (técnica artesanal, geralmente, feita em barbante);
  • um espaço com móveis e objetos coloridos comporta, muito bem, um cachepot de palha ou outras tramas naturais; entre outras possibilidades.

Por que vale a pena cultivar plantas em casa?

Além do visual incrível, cultivar plantas em casa tem inúmeras vantagens. Conheça a seguir.

1. Melhora da umidade do ar

Plantas em ambientes internos trazem mais frescor aos ambientes. Além disso, ajudam a purificar o ar, o que é essencial em imóveis localizados em áreas mais poluídas, como nos grandes centros urbanos.

Nesse quesito, as samambaias são imbatíveis, pois removem o formaldeído e umidificam o ambiente. O lírio da paz, a palmeira-areca e a espada-de-são-jorge, entre outras espécies, também retiram substâncias tóxicas do ar.

2. Sensação de tranquilidade

O verde transmite calma. O mais bacana é que não é preciso morar em um refúgio na mata, pois uma única planta é capaz de nos conectar com a natureza. Basta observá-la, respirar profundamente e sentir o estresse indo embora.

3. Maior aconchego

O amor pelas plantas deixa os lares mais aconchegantes. Isso ocorre, inclusive, em ambientes com propostas minimalistas. Não à toa, diversas pessoas fazem questão de adotá-las mesmo em apartamentos pequenos, transformando-os em verdadeiros representantes da tendência urban jungle.

Como escolher as melhores espécies para o lar?

Nem todas as espécies se adaptam a ambientes fechados. Para acertar nas escolhas, opte por aquelas que conseguem viver apenas recebendo luz solar indiretamente (claridade). São exemplos de plantas que vivem bem em apartamentos:

  • orquídea;
  • bromélia;
  • violeta;
  • lírio da paz;
  • antúrio;
  • palmeiras (palmeira-leque, palmeira-ráfia, palmeira-metálica, palmeira-areca etc);
  • samambaia;
  • espada-de-são-jorge e lança-de-são-jorge;
  • luca (agulha-de-adão);
  • zamioculcas;
  • ciclanto;
  • costela-de-adão;
  • monstera obliqua (imbé furado)
  • cróton;
  • singônio;
  • marantas e calatheas;
  • comigo-ninguém-pode (dieffenbachia);
  • dracaena marginata;
  • hera;
  • jiboia;
  • tostão;
  • trapoeraba roxa;
  • árvore da felicidade;
  • cactos e suculentas.

Quais cuidados tomar ao escolher suas plantas?

Algumas espécies que vivem bem em ambientes fechados podem ser venenosas. Por isso, caso tenha filhos pequenos ou animais de estimação, prefira plantas que não ofereçam qualquer risco.

Na hora da compra, pergunte ao profissional se é preciso, de vez em quando, levar o(s) vaso(s) para uma área que receba sol diretamente (na varanda ou próximo a uma janela, por exemplo). Em muitos casos, isso ajuda a evitar pragas, além de revitalizar a beleza das folhas.

Mas não é só isso: para suas plantas vingarem, analise também a área disponível. Ou seja, escolha espécies que sejam proporcionais ao espaço, não muito grandes. E opte sempre por locais mais arejados.

Além disso, considere seu estilo de vida. Pessoas que têm uma vida corrida e pouco tempo disponível se dão melhor com plantas que exigem poucos cuidados, como cactos e suculentas. O bacana é que ambos são encontrados em exemplares de diversos tamanhos.

Como usar plantas na decoração dos ambientes?

Não é difícil harmonizar as plantas com o restante da decoração, pois elas ficam bem em todos os estilos. Para incluir os elementos naturais com elegância e equilíbrio, conferindo-lhes o destaque que merecem, você pode:

  • escolher um vaso de piso grande, que pode ser posicionado em um canto “morto” da sala;
  • optar por modelos de vasos menores, que podem ficar em cima de móveis, prateleiras ou nichos, inclusive nos quartos;
  • deixá-las em suportes pendentes, presos diretamente no teto ou em mãos francesas instaladas nas paredes;
  • criar um pequeno jardim de inverno, combinando vasos no chão com outros nas paredes e pendentes no teto;
  • montar uma parede verde, com uma aparência mais densa (feita com módulos cerâmicos) ou mais espaçada (feita com vasos em suportes de ferro ou pallets);
  • compor uma bandeja flutuante, com uma base neutra e 3 ou 4 vasinhos suspensos por cordas ou correntes;
  • usar quadros vivos feitos com plantas naturais, como suculentas ou pequenas samambaias;
  • ter um ou mais terrários, os quais podem ser feitos em sistemas abertos (como potes de conservas) ou fechados (recipientes de vidro com tampa).

Por fim, vale destacar que, além de lindo e aconchegante, o verde auxilia no bem-estar da família. Consequentemente, impacta na concentração, criatividade e produtividade, funcionando como uma verdadeira fonte de energia.

Entendeu por que ter plantas em casa só traz benefícios? Democráticas, elas se adaptam a qualquer metragem, tipo de decoração e estilo de vida dos moradores. A única dúvida é: limitá-las a um cantinho, em uma única peça de destaque, ou deixar que se espalhem pela sala, quartos, escritório, cozinha, varanda e até banheiros? Independentemente da escolha, os benefícios do verde são inquestionáveis!

Se você gostou deste post, continue a leitura e veja como organizar ambientes pequenos. Afinal, quanto mais bonito e confortável você conseguir deixar seu lar, melhor!